fbpx

Telegram arrecada a incrível quantia de US$ 1 bilhão em investimentos

Que o Telegram está crescendo de forma estratosférica, isso é visível. O que ninguém sabia ainda é que a quantia arrecadada para investimentos na plataforma, pelo dono Pavel Durov, chegou à marca de US$ 1 bilhão de dólares já no início de 2021, em um tempo recorde e consideravelmente curto. Um dos principais motivos para isso está na rejeição grande sofrida pelo WhatsApp, no mês de Janeiro, por conta de suposta invasão de privacidade nos novos termos de uso do aplicativo.

Outro motivo, que influenciou diretamente na busca por investimentos, está no próprio crescimento da plataforma, a qual atingiu a marca de 550 milhões de usuários, ao final de Janeiro. Por conta disso, a demanda por melhorias e novos investimentos se tornou inevitável. E quem pensa que Durov pensa em parar por aí, não se engane. Todos sabem que o objetivo maior do Telegram é competir de igual para igual com o WhatsApp – missão difícil, mas que se mostra bem possível de ser atingida, pelo cenário que está se desenhando nos últimos meses.

Quem são os investidores?

Do valor total de US$ 1 bilhão, 15% partiu de um fundo de investimentos árabe, chamado Mubadala Investment e, também, do Abu Dhabi Catalyst Partners. De modo oficial, porém, Durov apenas afirmou ter negociado com “alguns dos maiores e mais conhecidos investidores de todo o mundo”, o que se confirma pelo montante adquirido e, sobretudo, pela abertura de um novo escritório da empresa em Abu Dhabi, capital de alguns dos investidores.

As intenções de investimento com o dinheiro arrecadado são bem definidas: melhoramento da plataforma, assim como a otimização de experiência de usuários individuais e pequenos empreendedores, que utilizam muito a plataforma para expansão dos seus negócios. Falando mais especificamente dos investimentos, um bom montante será investido no modelo de monetização do aplicativo, idealizado por Durov, assim como na independência e segurança do Telegram – que são diferenciais e motivos de perseguição de outros concorrentes, inúmeras vezes.

É! Ao que tudo indica, as intenções de crescimento, idealizadas por Pavel Durov vão se concretizando aos poucos e o Telegram passa a se estabelecer, de vez, como um dos maiores (senão o maior) concorrentes do WhatsApp, com projeções para alcançar 1 bilhão de usuários até o fim de 2022. Vamos ver se isso se concretiza, não é mesmo?

Existe algo que só o Telegram tem…

E estamos falando do canal da Visual Software, onde você tem acesso a dicas diárias de software, internet e gestão empresarial, dicas e reflexões com essa vista hoje. Clique aqui e se inscreva no nosso canal. Valeu e um abraço.