fbpx

Transferências bancárias via WhatsApp: em breve?

A opção para efetuar transferências bancárias no WhatsApp já está disponível na Índia e, por conta do sucesso no país, há uma forte tendência de adaptação global dessa função. No Brasil, espera-se que até o início ou metade do próximo semestre, tal opção já esteja disponível. Na realidade, isso já era previsto para o final do ano passado, mas acabou sendo adiado por contas de restrições impostas pelo BC (Banco Central).

Depois de algum tempo, já em Março desse ano, o BC aprovou a usabilidade dessa função. Isso vai facilitar (e muito) a vida de quem deseja agilizar pagamentos. Não será necessário, por exemplo, utilizar a plataforma online do serviço bancário, mas simplesmente pagar por uma opção disponível no chat do WhatsApp. A princípio, as transações só estarão disponíveis para pessoas físicas – mas é possível que pessoas jurídicas também possam usufruir desse benefício.

Quais as formas de pagamento permitidas?

Muito se falou que o modo de pagamento Pix estaria disponível, porém isso não passa de rumores – ao menos por enquanto. De fato, os donos da plataforma de mensagens tentam a negociação com o BC, mas, até agora, permanece sendo permitida como forma de pagamento, somente com cartões de crédito. Ainda no sentido dos pagamentos em específico, não se sabe ao certo se haverá tarifas, mas para usuários do WhatsApp Business, fala-se de algo em torno de 3%, até 4%.

A maior preocupação: qual a segurança disso?

Com toda certeza, ao ler o título desse texto, uma das grandes dúvidas que surgiram foi se o WhatsApp vai oferecer meios que proporcionem segurança às suas informações bancárias e pessoais. Hoje, a plataforma já oferece, por exemplo, o método de confirmação em duas etapas – que bloqueia a clonagem do seu número, por exemplo. Com essa opção, diz-se que você vai ter todos os meios para utilizar todas as opções em segurança.

E para mais dicas como essa que você viu hoje, inscreva-se no nosso canal do Telegram, clicando aqui. Nele, trazemos dicas diárias sobre internet, gestão empresarial e nossos produtos. Por hoje isso é tudo, pessoal 😉

Referências textuais: GaúchaZH